Florianópolis / SC - quarta-feira, 20 de setembro de 2017

REAÇÕES NATURAIS DO ESTRESSE

ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS ADAPTATIVAS AO ESTRESSE

1. Aumento da frequencia cardíaca e da pressão arterial:

Objetivo: fazer com que o sangue circule mais rápido e melhorar a atividade muscular.

2. Contração do baço:

Objetivo: Levar os glóbulos vermelhos a corrente sanguínea e melhorar a oxigenação.

3. Liberação de glicose pelo fígado:

Objetivo: Utilização como alimento e energia para músculos e cérebro.

4. Redistribuição sanguínea:

Objetivo: diminuir o sangue dirigido a pele e às visceras e aumentar para os músculos e cérebro.

5. Aumento da frequencia respiratória e dilatação dos brônquios: 

Objetivo: Favorecer a captação de oxigênio.

6. Dilatação das pupilas:

Objetivo: Aumentar a eficiencia visual.

7. Aumento do número de linfócitos na corrente sanguínea: 

Objetivo: Preparar os tecidos para os possíveis danos ou agentes agressores externos.